Banner

Aluno de Audiovisual e Novas Mídias conquista mais de dez prêmios com documentário

un237_03Arthur Leite foi ganhador do concurso nacional de roteiro Marlin Azul, em parceria com Ministério da Cultura, e teve o documentário Mato Alto – Pedra por Pedra veiculado no Canal Futura

Encostado em uma cadeira antiga, defronte a uma casa de tijolos envelhecidos e amarelados pelo tempo, seu Honorato fala de um passado rígido, construído pedra por pedra pela obstinação de seu pai. Seus pequenos olhos marejam ao relembrar os machucados de pedra e machado que o fizeram perder todos as unhas dos pés e das mãos, quando ele e os irmãos trabalhavam arduamente em uma gruta para torná-la cacimba. Em seguida, o velho aponta o dedo calejado para trás, mostrando uma capela erguida sobre a grama quase verde e explica pausadamente. “Esse trono aqui não foi feito por vaidade nem enfeite. Foi promessa por água. A dificuldade por água passou, mas ficaram construídas essas coisas, acompanhando a brabeza da natureza”.

Essa é a descrição de uma das primeiras cenas do curta-metragem Mato Alto - Pedra por Pedra (15’), do aluno do 6º semestre do curso de Audiovisual e Novas Mídias da Unifor, Arthur Leite. Nascido no município de Quixeré, Ceará, e apaixonado por cinema desde os 14 anos, Arthur não contou esforços para realizar um de seus sonhos de infância: produzir um vídeo que revelasse fantasmas do passado de uma fazenda remota localizada na sua cidade natal, a Mato Alto. “Meu pai sempre me falou das construções da região, mas despertei meu interesse em fazer o curta-metragem quando conheci a fazenda Mato Alto por meio de uma professora do ginásio. Com o tempo e a experiência pude torná-lo realidade”, conta.

Foi a partir de 2010, quando conquistou o edital Revelando os Brasis, do Ministério da Cultura, que Arthur pôde transformar o sonho em realidade. “Mato Alto - Pedra por Pedra”, que conta a história da família Honorato e a construção de um complexo arquitetônico feito em pedra, entre os anos de 1905 e 1956, foi lançado em 2011. Em março deste ano, o vídeo teve quatro exibições no Canal Futura.

un237_04Elogiado pela crítica, o documentário foi vencedor do 34º Festival Guarnicê de Cinema como melhor curta nacional e melhor documentário, além de melhor documentário pelo júri popular do III Festival Internacional Art Decò de Cinema. Foram mais de dez prêmios em categorias diversas, como melhor direção, melhor curta, melhor documentário, melhor fotografia, prêmio especial do júri, em diferentes festivais.

“Foi bem aceito, circulou bastante. Mas acredito que filme deve ser feito e, principalmente visto, pelo sentimento que ele carrega. A manchete e os prêmios que o filme ganhou são menos importantes do que a força do senhor Egídio Honorato. Minha maior preocupação foi evitar explicações e construir a narrativa a partir do sentimento do único filho vivo, o protagonista Honorato”, afirma o diretor.

Formação
Antes de entrar na Unifor, Arthur já havia realizado outros trabalhos. A formação acadêmica, contudo, tem beneficiado sua produção. “É de suma importância para a minha formação poder agora realizar trabalhos aliados a conhecimentos teóricos. O curso de Audiovisual e Novas Mídias é necessário ao cenário de cinema no Ceará, porque tem indiscutivelmente a melhor estrutura, além de dar todo apoio para as produções dos alunos”, enfatiza.

“Ele sempre demonstrou ter vocação para esse ramo, que só tem crescido nos últimos tempos. Durante todo o curso, mostrou ter as características necessárias e agora tem a oportunidade de aprofundar os conhecimentos. O Arthur tem aproveitado bastante as oportunidades”, conta a coordenadora do curso, profa. Ana Quezado.

Além de Mato Alto
Pedra por Pedra, Arthur foi selecionado para o Laboratório de Audiovisual para TV, da Escola Porto Iracema das Artes, braço de formação do Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura, e está desenvolvendo uma minissérie para a TV em parceria com grandes cineastas brasileiros, como Karim Aïnouz, Marcelo Gomes e Sérgio Machado. Ele também já desenvolveu outros trabalhos como aluno do curso de Audiovisual e Novas Mídias da Unifor, como o documentário Não me Leve, que conta com o apoio da Universidade e será lançado ainda este ano.


Leia a edição completa do Unifor Notícias Nº 237

 
Banner
Banner

Unifor Notícias | Portal Unifor | Fundação Edson Queiroz
Estude na Unifor | Central de Atendimento | Twitter
Fundação Edson Queiroz todos os direitos reservados