Banner

Unifor tem sessão solene no Senado Federal

Solenidade realizada em Brasília parabenizou Universidade por quatro décadas de realizações em âmbito local, nacional e internacional

A Universidade de Fortaleza foi homenageada por seus 40 anos em sessão solene no Senado Federal, em Brasília, no último dia 20 de maio. A cerimônia contou com a presença de líderes empresariais, professores e gestores da Universidade e diversas autoridades políticas, incluindo o governador do estado, Cid Gomes, e o prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio.

A sessão solene contou ainda com a presença dos deputados Danilo Forte (PMDB), Chico Lopes (PCdoB) e Mauro Benevides (PMDB), além de outras autoridades, como o ministro do Tribunal de Contas da União Valmir Campelo.

Na abertura da homenagem, a Camerata Unifor apresentou as músicas Três Peças Nordestinas, de Clóvis Pereira, e Quatro Momentos, de Ernani Aguiar, e executou o Hino Nacional Brasileiro e o Hino do Ceará.

O senador Eunício Oliveira (PMDB), aluno da primeira turma do curso de Economia da Universidade, abriu os trabalhos da sessão solene e se declarou honrado em presidir a mesa. “São duas vocações que se completam: a vocação da Unifor para a excelência e a vocação cearense para o progresso, em prol do bem comum, em prol do futuro da nossa Fortaleza, do nosso Ceará, do nosso Nordeste e do nosso Brasil. A vocação da Unifor para a excelência e sua contribuição para o progresso do estado do Ceará. Edson Queiroz foi um verdadeiro visionário, percebendo as necessidades da região e ao mesmo tempo o extraordinário potencial do estado.”

Ao discursar, o senador José Pimentel (PT), autor do requerimento da homenagem, destacou o desenvolvimento da Universidade nos cenários nacional e internacional. “Nestes 40 anos, a Unifor se agigantou no universo acadêmico do Nordeste e do Brasil sem se afastar da intenção inicial de quando foi criada. A Universidade merece nossa estima e admiração. Ela se fez reconhecida pela excelência acadêmica e responsabilidade social. A educação é o caminho mais curto para o desenvolvimento e a Unifor faz parte deste caminho para o Nordeste. A Unifor é um exemplo para o Ceará e para o Brasil.”

O senador Inácio Arruda (PCdoB) confirmou as palavras de seus colegas do plenário sobre o histórico da Instituição. “A Unifor não é um empreendimento regional, mas um investimento no desenvolvimento nacional. Passados agora 40 anos, muito pode ser dito sobre a Instituição, no entanto o que mais concretamente deve ser considerado é o incontestável valor que hoje representa a Universidade de Fortaleza no cenário da educação brasileira.”

Para a reitora Fátima Veras, o evento solene foi “bonito e emocionante”. “Foi um reconhecimento da classe política do Ceará ao trabalho que a Universidade e a Fundação Edson Queiroz prestam à população. Todos os senadores do Ceará estavam presentes na solenidade, e cada um falou a sua maneira qual a importância que a Universidade teve e tem no desenvolvimento do estado e do país, formando principalmente mão de obra qualificada que modifica o perfil de uma sociedade. Por outro lado, eles também reconhecem que hoje a Universidade é uma instituição competitiva, que tem qualidade naquilo que faz e que se preparou para enfrentar esses desafios dos tempos modernos, ou seja, com uma infraestrutura boa, com um corpo docente qualificado e preparado, e ótimos funcionários também. Foi um momento de reconhecimento desse trabalho que está sendo feito ao longo destes 40 anos, e acho que estamos todos de parabéns.”

DEPOIMENTOS

“A homenagem que se presta à Unifor vem ancorada num princípio de justiça, porque evidencia o reconhecimento a uma instituição que se consolidou no cenário do ensino superior do país, não só pela competência na formação de profissionais, por meio dos seus cursos de graduação, mas pelos relevantes resultados obtidos no campo da pesquisa e da tecnologia de ponta, além dos inestimáveis serviços na área social, como o Nami. Como cearenses, devemos nos orgulhar de termos uma instituição como a Unifor, uma referência que engrandece nosso estado e país.”
Roberto Cláudio, prefeito de Fortaleza

“A Unifor é a maior universidade privada do Norte/Nordeste e tem se destacado, além da qualidade de ensino, no estímulo ao esporte e às artes, bem como no enorme trabalho social. São 40 anos de bons serviços prestados à cultura, à educação e ao desenvolvimento do estado. Aproveito e saúdo a memória de Edson Queiroz pela sua visão inovadora, Dona Yolanda, o chanceler Airton Queiroz e todos os professores e alunos que fazem parte dessa história de sucesso e realizações.”
Cid Gomes, governador do Ceará

PALAVRA DO CHANCELER

A universidade tem uma missão fundamental a cumprir na sociedade, e essa missão está inserida no ideal de universidade que devemos perseguir. Através dos séculos, consolidou-se o entendimento de que a universidade é o ambiente de formação de pesquisadores, pensadores independentes, produtores de conhecimentos e técnicas que promovem o bem-estar humano. A universidade, a verdadeira universidade, não está alheia ao mundo, não ignora as necessidades concretas da coletividade, razão pela qual deve ser capaz de contribuir para a solução de problemas relevantes.

Desde 1973, portanto há 40 anos, a Universidade de Fortaleza incorpora essa missão ao se indagar sobre as carências, dilemas e dificuldades da região onde está inserida e propor meios viáveis de superá-los, no esforço de desenvolver competências para demandas não apenas locais, mas também nacionais e internacionais.

A Unifor, instituição que já nasceu universidade, como disse o ministro Jarbas Passarinho, na aula inaugural no dia 21 de março de 1973, “na meia luz do crepúsculo vespertino de hoje, nesta Fortaleza, vi um homem chorar e uma universidade nascer”. Desde então oferece atividades de ensino, pesquisa e extensão em várias áreas do saber. E por isso se dedica a beneficiar todos aqueles que por ela passam, no sentido de proporcionar aquisições científicas, profissionais e culturais.

A Unifor configurou-se na participação de indivíduos, grupos humanos e unidades sociais de sua região. Alcançou reconhecimento em todo o País, por meio de premiações nacionais e colocações honrosas nas avaliações do MEC, e até mesmo fora do Brasil, ao firmar parcerias com instituições e universidades em diversos países. Ao longo de seus 40 anos, ela entrelaça a sociedade civil, o poder público e o mundo empresarial na realização de trabalhos produtivos.

Seus 70 mil graduados e 10 mil pós-graduados, a partir da qualificação adquirida nos 29 cursos de graduação, 13 de graduação executiva, 5 mestrados e 6 doutorados, exercem as mais destacadas funções em suas áreas de atuação. São secretários de Estado, políticos, professores, pesquisadores e empresários. A Unifor mantém convênio de intercâmbio com 170 universidades em 30 países. A dupla titulação outorgada pela Unifor e por universidades estrangeiras insere o aluno em outra cultura de sua escolha e, ao validar seu diploma internacionalmente, lhe abre portas nos principais centros mundiais.

Na área da pesquisa, destacam-se projetos de relevo nacional como o das cabras transgênicas, com a possibilidade de produção de leite com proteína semelhante à do leite materno, ajudando a combater a alta taxa de mortalidade infantil no Nordeste e no mundo.

Na pós-graduação, investe na formação de líderes para as diversas áreas de gestão, com ênfase para seus cursos, em parceria com a Universidade de Colúmbia e a Universidade da Pensilvânia. Líderes que transformam é o conceito que alavanca os MBAs e a educação corporativa. O objetivo é trazer para o Ceará, atualização, integração e competitividade. Neste sentido, tivemos a presença do presidente norte-americano Bill Clinton e do maestro João Carlos Martins, ambos exemplos de liderança e superação.

Os 720 mil metros quadrados do campus abrigam estruturas de ensino e de prestação de serviço. O Núcleo de Atenção Médica Integrada (Nami) é considerado referência da Rede Pública de Saúde pela diversificação de serviços oferecidos à comunidade. A clínica efetua 300 mil atendimentos/ano.

O Escritório de Prática Jurídica (EPJ) desenvolve nos seus alunos a sensibilidade no atendimento à população carente, aproximando a universidade do corpo social.

A Escola de Aplicação Yolanda Queiroz acolhe cerca de 600 crianças de baixa renda de 8 a 12 anos, cujos melhores alunos ganham bolsa de estudos em um grande colégio de Fortaleza e depois têm a chance de retornar para a Unifor, na mesma condição. É inegável que projetos nessa direção têm efeitos educacionais cumulativos para a região e o País como principal beneficiário.

Ressalto, ainda, a relação intrínseca da universidade com a cultura, e neste sentido a Unifor dedica atenção às artes promovendo exposições de grande porte abrindo as portas de seu espaço cultural. Esta articulação não somente com as artes plásticas, mas com o teatro, a música, a dança e o esporte, garante uma formação integrada, a apropriação intelectual, a crítica e o debate. E isto significa atendimento ao direito que tem todo cidadão de participar da vida cultural do País. Em nome da Universidade de Fortaleza, da Fundação Edson Queiroz, agradeço a homenagem do Senado Federal.

Muito obrigado!

Chanceler Airton Queiroz
Discurso proferido em 20 de maio de 2013, dia da sessão solene do Senado Federal em homenagem aos 40 anos da fundação da Unifor.


Leia a edição completa do Unifor Notícias Nº 230

 

Unifor Notícias | Portal Unifor | Fundação Edson Queiroz
Estude na Unifor | Central de Atendimento | Twitter
Fundação Edson Queiroz todos os direitos reservados