Banner

Unifor Plástica: arte plural

Em sua 16ª edição, a mostra contempla diferentes segmentos das artes ao expor obras inéditas de artistas experientes e oferecer oportunidade a novos talentos.

Diversidade artística por e com excelência. Pinturas, gravuras, esculturas, desenhos, fotografias e vídeos estão reunidos na 16ª edição da mostra Unifor Plástica, que fica aberta para visitação até o dia 18 de dezembro. Em exibição, 131 obras de 80 artistas locais e de outros nove estados brasileiros. Dentre os expositores, cinco foram premiados. Em ordem: Francisco de Almeida, Naiana Sousa, Sérgio Helle, Ana Cristina Mendes e Geórgia Santiago.

Para o gravurista Francisco de Almeida, primeiro colocado com a obra Altar da Luz, a Unifor Plástica tem contribuído para fomentar a arte no estado em seus mais diversos segmentos. “Esse era o único prêmio que faltava para mim e talvez o principal. Ele representa muito para minha obra. É fruto de muita dedicação, pesquisa e estudos. Quando você se doa ao que você está fazendo, independente de ser arte, você faz grandes conquistas”, acrescenta.

A aluna do curso de Belas Artes da Unifor Naiana Sousa ficou em segundo lugar com a obra Vultos. Essa foi a primeira vez que a estudante participou da mostra. “Sempre desenhei, mas fui começar a produzir com seriedade, a ler e a pesquisar quando entrei para o curso de Belas Artes da Unifor”, ressalta.

Já o experiente Sérgio Helle, vencedor de duas edições anteriores da exposição, destaca que a Unifor Plástica é hoje a mais diversificada mostra do estado. “Esse prêmio é um incentivo. A Unifor Plástica é extremamente importante no cenário cearense”, avalia. Sérgio ficou em terceiro lugar com as obras Acqua XXVII e Acqua XXVIII.

A comissão julgadora foi composta por pessoas com notório saber no campo das artes: Celina Queiroz, presidente da comissão; Carlos Velázquez, coordenador do curso de Belas Artes da Unifor; Heriberto Rebouças, curador e antiquário; Marcelo Mattos Araújo, diretor da Pinacoteca de São Paulo; e João Candido Portinari, presidente do Projeto Portinari.

Os três primeiros colocados receberam uma premiação em dinheiro no valor de 2 mil euros, além de uma passagem de ida e volta para conferir a Bienal de Veneza, considerada um dos mais importantes eventos das artes no mundo. Para o quarto e quinto colocados, viagem à Bienal do Mercosul e 1.500 reais em ajuda de custo.

A 16ª Unifor Plástica reservou ainda um espaço dedicado a obras da artista plástica cearense Heloísa Juaçaba, que iniciou a carreira nos anos 1950 e teve trabalhos premiados em edições anteriores da mostra.

SERVIÇO
16ª Unifor Plástica. Visitação até 18/12 no Espaço Cultural Unifor. Entrada gratuita. Estacionamento no local. De terça a sexta, das 8h às 18h; sábados e domingos, das 10h às 18h. Agendamento de visitas guiadas para grupos de visitantes: (85) 3477.3319.



Trabalhos premiados

212_franciscodealmeida

1º lugar
Altar da Luz,
gravura,
150 x 150 cm,
de Francisco de Almeida.










212_naianasousa2º lugar
Vultos, acrílica sobre papel e videoinstalação,
68 x 200 cm,
de Naiana Sousa.




212_sergiohelle

3º lugar
Acqua XXVII, mista sobre tela,
103 x 175 cm,
de Sérgio Helle.













Leia a edição completa do Unifor Notícias Nº 212

 

Unifor Notícias | Portal Unifor | Fundação Edson Queiroz
Estude na Unifor | Central de Atendimento | Twitter
Fundação Edson Queiroz todos os direitos reservados