Banner

Poema | Laura

por Francismar de Castro*

O vento e suas canções me ensinaram,
Que a brisa do mar diz palavras de amor,
Que através delas eu me sinto em seus braços
E entre os abraços o tempo me ensinou!

Que a tua beleza brilha mais que as estrelas,
Que o azul do mar os teus olhos inventaram,
A natureza fez tudo tão perfeito, que eu não sei
Se o imperfeito ela também criou.

A metamorfose da nuvem branca,
Veio quando conheceu tua alma,
Diante deste teu resplendor,
O mar agitado se acalma.

Desenrolando estes versos,
Um grito lembrança senti n'alma
O subconsciente logo me fala,
Fala de ti, minha doce Laura.

*Francismar de Castro formou-se em Letras pela Unifor em 2008 e atualmente é aluno do curso de Direito.

Leia a edição completa do Unifor Notícias Nº 215

 

Unifor Notícias | Portal Unifor | Fundação Edson Queiroz
Estude na Unifor | Central de Atendimento | Twitter
Fundação Edson Queiroz todos os direitos reservados