Banner

Obra completa do artista plástico Leonilson será reunida em catálogo com patrocínio da Fundação Edson Queiroz

 O catálogo raisonné de Leonilson, primeiro do gênero dedicado a um artista brasileiro contemporâneo, terá um apanhado completo e cronológico de sua obra.


un253-27                                    un253-28


O Projeto Leonilson é uma sociedade sem fins lucrativos criada por familiares e amigos do artista plástico cearense Leonilson, um dos mais importantes da conhecida “Geração 80”. Criada em outubro de 1993, ano de sua morte, o objetivo da sociedade é manter viva a memória do artista através de um trabalho de pesquisa, preservação, catalogação e divulgação de sua vida e obra. Hoje, o Projeto Leonilson funciona como um centro de referência, procurado por interessados do mundo todo, desde estudantes, curadores, pesquisadores, produtores e cineastas, atendendo cada um exclusivamente, fornecendo auxilio e material necessário.

 

Reconhecida por incentivar manifestações artísticas locais e nacionais, num contínuo apoio à arte e à cultura, a Fundação Edson Queiroz está patrocinando diretamente o catálogo raisonné de Leonilson, resultado de 20 anos de trabalho do Projeto Leonilson. Referência para pesquisadores, o catálogo raisonné de um artista é um apanhado completo e cronológico da obra de um artista. No caso de Leonilson, esse será o primeiro do gênero dedicado a um artista brasileiro contemporâneo.

 un253-26

Segundo Ana Lenice da Silva, irmã do artista e presidente do Projeto Leonilson, o catálogo incluirá artigos de estudiosos de suas obras, dados biográficos, dados complementares como participações em exposições nacionais e internacionais, itens pessoais, além das obras reproduzidas em fotografia com informações de título, data, técnica e dimensões. Ele será publicação bilíngue, será dividido em três volumes, com edição da Cosac Naify.

 

“O catálogo é uma publicação com toda essa pesquisa já realizada. É um catálogo geral de vida e obra do artista. Constarão imagens de todas as obras já catalogadas, acompanhadas de seus dados técnicos e listas completas de toda a bibliografia relacionada como exposições, eventos, publicações, vídeos/filmes, livros. Desde que o Projeto Leonilson foi criado esse era o seu principal objetivo. O catálogo torna acessível conhecimento à obra, seu papel dentro da cultura brasileira e internacional. Funciona como ponto de partida para pesquisa e dá aos curadores e estudiosos material que vai lhes ajudar em suas escolhas. O catálogo do Leonilson vai ser o primeiro de um artista contemporâneo, vem sendo pensado há mais de 20 anos, acredito que será um marco para as artes plásticas brasileiras e servirá de modelo e exemplo para catálogos de outros artistas”, explica Ana Lenice.

 

De acordo com o vice-reitor de Extensão da Unifor, prof. Randal Pompeu, o patrocínio da Fundação Edson Queiroz faz parte de uma atuação contínua de incentivo às artes, em especial as visuais. “Já dedicamos ao Leonilson a exposição Diário de Bordo – Uma Viagem com Leonilson, em 2009, da qual Ricardo Rezende foi curador. Sempre apoiamos esse tipo de iniciativa, pois é uma maneira de conservar nossa memória e valorizar a cultura cearense. Alémdisso, o catálogo valoriza o legado de Leonilson, importante nome para as artes no Estado”, afirma o vice-reitor.

 

Para Ana Lenice, a parceria entre a Fundação Edson Queiroz e o Projeto Leonilson foi de grande importância. “Já fizemos exposições do Leonilson na Unifor e sempre mantivemos contato. Quando estávamos com o projeto do catálogo pronto, conversei com o professor Randal, coloquei a importância desse projeto. O projeto foi levado ao Dr. Airton Queiroz que aprovou e assim demos início ao catálogo raisonné do Leonilson”, conclui.

 

Para o curador do Museu de Arte Contemporânea do Ceará, Bitu Cassundé, o Projeto Leonilson desenvolve um importante trabalho de catalogação da obra do artista. “É impressionante a organização sistematizada do vasto material, composto pela obra, biblioteca, coleções de brinquedos, agendas digitalizadas. É louvável para nós pesquisadores, quando encontramos um artista com uma plataforma tão rica de informação disponível para pesquisas, curadorias, publicações, etc. O catálogo raisonné é fruto desse vasto período de profunda e séria investigação, que a equipe do Projeto Leonilson desenvolve conduzido com toda dedicação por Ana Lenice Dias, Gabriela Dias e a equipe de profissionais. Essa importante publicação será um rico documento acerca da obra do artista, pois nela constará todo o conjunto da obra catalogada, acompanhada de textos e imagens e será mais um potente documento de divulgação da obra do Leonilson. O projeto editorial está sendo conduzido magistralmente pelo curador Ricardo Resende, que há anos vem pesquisando a obra do artista”.

 

 

DEPOIMENTOS


 un253-25

 

“A Fundação Edson Queiroz é de grande importância para as artes, está sempre apoiando e divulgando os artistas, realizando grandiosas exposições, possibilitando o acesso ao público em geral. Agora mais importante ainda com o apoio ao projeto do catálogo raisonné, que por enquanto é raridade no Brasil. Quero agradecer e parabenizar a Fundação Edson Queiroz por essa iniciativa. Espero que sirva de exemplo para futuras publicações”.

 

Ana Lenice da Silva, presidente do Projeto Leonilson e irmã do artista plástico.

 

 

 

 

 

un253-29

 

“É interessante pensar como a obra permanece potente, vigorosa e atual. Leonilson com sofisticação discutiu, na sua poética, questões universais, mas sempre projetando sua subjetividade. Conseguiu com requinte falar de temas banais sem ser piegas. Esse atravessamento micropolítico proporciona uma relação de cumplicidade com o outro, é como se a obra sussurrasse pequenas pistas sobre o seu mundo, desejos, angústias. Diante da obra dele, estamos diante de muitas das nossas questões, é um espelho que reflete uma via dupla”.

 

Bitu Cassundé, curador do Museu de Arte Contemporânea do Ceará.

 
Banner
Banner

Unifor Notícias | Portal Unifor | Fundação Edson Queiroz
Estude na Unifor | Central de Atendimento | Twitter
Fundação Edson Queiroz todos os direitos reservados