Banner

Farmácia Viva da Unifor é referência no Estado

Projeto piloto do curso de Farmácia, a Farmácia Viva Lúcia Gurgel é referência no cultivo de plantas medicinais e criação de remédios.


un253-15

 

Criada em homenagem à memória da pioneira na implantação do programa Farmácia Viva de Fortaleza e mantida em uma parceria entre a Universidade de Fortaleza e a Prefeitura Municipal, a Farmácia Viva Lúcia Gurgel é uma das principais produtoras de fitoterápicos do Estado. As demandas são produzidas pelos alunos do curso de Farmácia da Unifor, com auxílio de professores supervisores, atendendo ao próprio campus, e também são enviadas para o Núcleo de Atenção Médica Integrada (Nami), a fim de serem disponibilizadas à população local.

 

De acordo com a coordenadora da Farmácia, Georgeline Silveira, a Farmácia Viva é uma parceria da Unifor e Prefeitura, em que a Unifor entra com a estrutura física e capacitação de profissionais e ensino.

A Prefeitura entra com recursos humanos. “Nós recebemos, a cada semestre, os alunos do curso de Farmácia da Unifor para fazer um estágio, produzindo alguns tipos de fitoterápicos. De janeiro a maio deste ano foram produzidos quatro tipos de fitoterápicos, entre eles xarope, sabonete antisséptico e elixir. A nossa matéria-prima vem do horto municipal, a droga vegetal”, conta.

 

“Nós trabalhamos com plantas que têm embasamento científico. Elas são triadas, lavadas, secas e prontas para o controle de qualidade para que possam ser utilizadas num produto final, que é o fitoterápico. Após essa produção, os produtos passam por um controle de qualidade que também é feito pelos estagiários do curso de Farmácia. Tudo é feito aqui, tanto a produção quanto o controle. Depois, são liberados para a Central de Abastecimento Farmacêutico (CAF) e de lá, distribuídos para os postos”, prossegue a coordenadora.

 

un253-19

O projeto Farmácia Viva foi criado há mais de duas décadas pelo professor Francisco José de Abreu Matos com o objetivo principal de incentivar a produção de medicamentos eficazes e baratos. “Todos os medicamentos têm eficácia comprovada pela pesquisa, no tratamento das doenças e seus sintomas, tendo uma ótima aceitação e credibilidade da população”, salienta Georgeline Silveira, coordenadora da Farmácia.

 

Desde a sua implantação, a oficina farmacêutica conta com o Horto Municipal de Fortaleza como fornecedor de matéria-prima vegetal indispensável à produção dos fitoterápicos, cuja escolha do elenco de plantas é baseada na comprovação científica da sua atividade medicinal, fácil plantio, de decorrência local ou regional e de impacto do quadro epidemiológico. “Hoje são produzidos creme de aroeira, pomada de confrei, sabonete líquido de alecrim pimenta, tintura de alecrim pimenta, tintura de malva santa, xarope de chambá, elixir de cidreira e tintura de mororó”, observa Georgeline.

 

Atualmente, a Farmácia Viva Lúcia Gurgel dá suporte às ações de saúde de três postos: Evandro Ayres de Moura, José Paracampos e CAPS Geral da Regional VI, além do Nami. A intenção é, em breve, ampliar o serviço para todos os postos de saúde da capital, proporcionando assistência à saúde integral e qualidade de vida, além de representar um amplo campo de vivência profissional para os alunos envolvidos.

 

Para Georgeline Silveira, o local é importante porque nele são produzidos os fitoterápicos, prezando sempre pela qualidade total do produto final. Além disso, serve de campo de formação de recursos humanos, uma vez que o estágio em Indústria do curso de Farmácia da Unifor ocorre na referida unidade farmacêutica. Nesse ambiente, os alunos podem aplicar, na prática, os conhecimentos adquiridos no que diz respeito à produção, controle e garantia da qualidade de matérias-primas e de medicamentos fitoterápicos, representando, dessa forma, um campo amplo de prática, diretamente imerso na vivência profissional.

 

Os estudantes e os professores supervisores têm a preocupação em manter e aprimorar os já elevados padrões de qualidade em todas as operações farmacêuticas desempenhadas. “Aqui podemos praticar o que aprendemos em sala de aula, produzindo medicamentos fitoterápicos, conhecendo outros ramos da Farmácia”, aponta o estudante do 9º semestre do curso, Xavier Girão.

 

“A comunidade acadêmica e a sociedade se beneficiam não só com um campo amplo de atuação na área farmacêutica, mas também com o fornecimento de fitoterápicos de eficácia e qualidade comprovada para o Nami e para o município de Fortaleza, com a valorização de plantas com importante atividade farmacológica pertencente à flora regional, tornando possível o uso de recursos naturais na busca da saúde”, finaliza a professora Georgeline Silveira.

 

 

DEPOIMENTOS

 un253-16

 

“A Farmácia Viva fornece alguns medicamentos que o governo não fornece. Por exemplo, o xarope para tosse, antibactericidas, elixir calmante, cremes vaginais anti-inflamatórios. É um ramo que o governo não atende com medicamentos industrializados, por isso a importância dela. É um programa que não pode parar porque muita gente se beneficia dele. Muitas pessoas são atendidas e curadas através desses produtos provenientes da Farmácia Viva da Unifor”.

 

Djamile Cordeiro de Matos, Farmacêutica responsável técnica do Nami.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

un-253-17

 

 

 

“O aluno que inicia na Farmácia Viva tem a oportunidade de fazer um estágio como se estivesse em uma indústria. Ela vai ter um aprendizado das boas práticas de fabricação dentro das normas de uma indústria e vai produzir medicamentos de qualidade, garantido por eles também. Esses produtos vão beneficiar a população mais carente”.

 

Georgeline Silveira, coordenadora da Farmácia Viva da Unifor.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

un-253-18

 

 

 

“A Farmácia Viva é uma iniciativa importante e autêntica, uma bonita e séria continuação do trabalho do Dr. Matos. Aqui usamos plantas nativas da região e assim a população pode obter outras formas de medicamentos, muitas vezes a um preço mais acessível”.

 

Ana Patrícia Sousa, aluna 8º semestre do curso de Farmácia.

 
Banner
Banner

Unifor Notícias | Portal Unifor | Fundação Edson Queiroz
Estude na Unifor | Central de Atendimento | Twitter
Fundação Edson Queiroz todos os direitos reservados