Banner

Aplicativos trazem inovação e auxiliam a suprir demandas

Conheça alguns apps desenvolvidos pelo Núcleo de Aplicação em Tecnologia, da Unifor.

 

A internet e a tecnologia mostram-se ativamente presentes na vida das pessoas, principalmente após a popularização dos smartphones. Hoje é possível realizar várias tarefas por meio destes aparelhos, com uma grande gama de aplicativos disponíveis para satisfazer as demandas dos usuários. Buscando trazer inovação e apresentar ferramentas benéficas ao público, o Núcleo de Aplicação em Tecnologia (NATI), da Universidade de Fortaleza desenvolve, por meio do Programa de Integração Acadêmica, diversos apps que, de forma dinâmica, trazem informações úteis à comunidade tecnológica.

 

Com aproximadamente sete aplicativos disponíveis nos mercados de conteúdo digital, em sua maior parte provenientes de uma parceria entre o Centro de Ciências da Saúde (CCS) e o Centro de Ciências Tecnológicas (CCT), o NATIcontabiliza no currículo mais de vinte produtos. Cada aplicativo, que leva cerca de um ano para ser produzido, desde sua concepção e pesquisa à produção e teste, surge a partir de propostas apresentadas por alunos de cada centro ao Núcleo, cuja equipe, em atitude de promover integração entre os alunos de diferentes áreas acadêmicas, atende às demandas em conjunto ao solicitante. “Os nossos projetos são de mercado, mas são sazonais. Então, para garantir o fluxo entre os alunos, abrimos as portas para receber projetos acadêmicos de outras áreas e isso, além de permitir a formação prática dos nossos estagiários, permite a apropriação das tecnologias de informação e comunicação pelas outras áreas da Universidade. Permite exatamente que essas áreas avancem com propostas tecnológicas dos alunos, e por vezes, a inovação acontece como objetivo indireto”, explica o professor Eurico Vasconcelos, que é coordenador do Laboratório de Inovação do NATI. Os projetos realizados pelo Núcleo contemplam necessidades surgidas tanto no âmbito acadêmico quanto no externo.

 un-258-foto22

O “Odonto Quiz”, por exemplo, é um aplicativo produzido após demanda de professores do curso de Odontologia, visando tornar o aprendizado mais dinâmico e colaborando para que o interesse dos alunos vá além da sala de aula. Os resultados positivos transformaram o app em um diferencialdas disciplinas do curso e atualizaram os métodos de ensino.

 

Já o aplicativo “Iracema Virtual”, por sua vez, inovou ao transformar um dos principais ícones cearenses em personagem de realidade virtual, proporcionando interações que trazem entretenimento e acesso à informação para o público local e visitante. Ativado por meio de um QR Code localizado na Estátua de Iracema Guardiã, na avenida Beira Mar, o aplicativo permite que o usuário converse e bata fotos com a personagem aprendendo curiosidades sobre ela e sobre a cidade. A valorização da cultura local que o aplicativo propõe chamou atenção para parcerias com a Prefeitura de Fortaleza, que hoje resultam no desenvolvimento de um aplicativo semelhante sobre o Dragão do Mar.

 

Outro aplicativo de grande repercussão e importância social é o “Quanto Você Bebe?”, desenvolvido por demanda da Prefeitura do Eusébio, para diminuir a quantidade de consumo de bebidas alcoólicas por jovens. O aplicativo informa, por meio de testes, os níveis de vício e abstinência a partir da frequência de ingestão de álcool, trazendo uma proposta útil à população geral.

 

“Não tem nada mais gratificante do que a gente desenvolver um aplicativo e colocar em uma loja virtual, recebendo nela um feedback do que você fez. É um portfólio para nós, porque por meio desse feedback você pode cada vez mais melhorar no desenvolvimento de aplicativos. A publicação é um diferencial”, explica Lucas de Moura, que está há três anos no NATI e hoje é coordenador dos projetos de integração. Lucas, que é graduado em Ciências da Computação e fez Mestrado em Informática Aplicada, ambos pela Unifor, encontrou no aplicativo “Missão Kid” a sua principal fonte de desenvolvimento acadêmico.

 

O “Missão Kid” é um jogo destinado ao público infantil que busca, por meio do entretenimento, combater a obesidade durante essa faixa etária. O aplicativo, que incentiva a prática de atividades físicas simples, contou com a participação de Carminda Lamboglia, que na época fazia mestrado em Saúde Coletiva e hoje é professora de educação física da Universidade. O extenso trabalho de pesquisas – inclusive com crianças – para o desenvolvimento do app resultou em, além de duas defesas de mestrado, cinco artigos e um capítulo de livro publicados.

 

FUTUROS LANÇAMENTOS


Um dos projetos atualmente em desenvolvimento no NATI é o aplicativo “Vem Doar Sangue”, ferramenta elaborada em parceria com o Hemoce para recrutamento de doares e controle dos bancos de sangue. O aplicativo também auxilia na divulgação, fidelização e informação da coleta de sangue, atingindo um público maior e funcionando como um tira-dúvidas. O aplicativo deu seus passos iniciais no final do ano passado, com um e atualmente está sendo programado. A previsão é que seja lançado até o final do ano.

 

“O que fez eu entrar nesse projeto foi o que ele pode ocasionar. Ele pode salvar vidas e isso é o que mais me motivou. Minha ideia para TCC era completamente diferente, mas quando o Eurico me deu essa opção, decidi agarrar. É uma contribuição que posso deixar pra humanidade”, explica Vinícius Freire, estudante de Engenharia da Computação, que conta estagiar no NATI desde o oitavo semestre da graduação.

 

Outro aplicativo que estará disponível em breve é o Voiceguard, que pretende promover auxílio nos cuidados diários com a voz, principalmente para quem tem ela como um dos principais instrumentos de trabalho. Ele foi desenvolvido em parceria com o Mestrado em Saúde Coletiva da Universidade de Fortaleza.

 

 

APLICATIVOS

 

  un-258-foto23 un-258-foto24        un-258-foto25 
Missão Kid

Odonto Quiz

AutoConhecimento

Disponível no Google Play, este aplicativo apresenta o alienígena Spock, que precisa entrar em forma para participar de competições esportivas intergalácticas. Voltado ao público infantil, o app busca combater a obesidade de forma lúdica.

Ferramenta destinada aos alunos de Odontologia da Unifor, o “Odonto Quiz” consiste em um jogo de perguntas e respostas que torna as aulas dinâmicas. Disponível no Google Play.

Disponível no Google Play, o app “AutoConhecimento” oferece uma plataforma simples de apoio ao registro e recuperação de informações dos estados emocionais de pacientes que realizam tratamentos psicológicos. 

un-258-foto26 un-258-foto27 un-258-foto28
Iracema Virtual SGS Mobile Unifor Mobile

Este aplicativo, disponível no Google Play, traz uma nova perspectiva a cerca da personagem criada por José de Alencar, permitindo interações com esse símbolo da cultura cearense.

Desenvolvido sob demanda da Esmaltec, este app ajuda na comunicação interna de funcionários. Disponível no Google Play e na App Store.

 

Semelhante ao “SGS Mobile”, o “Unifor Mobile” oferece serviços aos estudantes e funcionários da Universidade de Fortaleza, facilitando sua comunicação e o acesso à informações da Universidade.


 
Banner
Banner

Unifor Notícias | Portal Unifor | Fundação Edson Queiroz
Estude na Unifor | Central de Atendimento | Twitter
Fundação Edson Queiroz todos os direitos reservados